Descarte de Óleo de Cozinha

Todo mundo sabe, ou deveria saber, que o óleo comestível, normalmente chamado de óleo de cozinha, possui reciclagem. Mas ainda restam muitas dúvidas por aí: como descartá-lo, por que não podemos jogá-lo na pia ou nos bueiros? Quais os tipos de óleo de cozinha? O que podemos fazer com o óleo de cozinha usado? Como armazená-lo?


A classificação entre óleo virgem, extra virgem (azeite, óleo de coco) e óleo bruto(de soja, milho, girassol) está relacionada aos processos de extração e de purificação desses óleos vegetais. Os óleos extra virgens ou virgens apenas necessitam de uma filtração para retirar partículas sólidas após o processo de prensagem (que retira o óleo da semente, fruta ou folha); já o óleo bruto é extraído por meio de um solvente e passa por muitas outras fases para ficar pronto.


Então, o que fazer com o óleo de cozinha?

Após utilizar o óleo de fritura velho (de preferência em pouca quantidade), você pode armazená-lo em uma garrafa PET. Utilize um funil para facilitar a entrada do óleo na garrafa. Conforme for utilizando o óleo, vá armazenando desse modo e lembre-se de sempre fechar bem as garrafas para evitar vazamentos, mantendo também fora do alcance de crianças e animais de estimação que podem ser atraídos pelo cheiro do óleo ou pela simples curiosidade. Após preencher algumas garrafas PETs, procure empresas e ONGs especializadas neste tipo de coleta seletiva, assim

como postos de entrega voluntária para descartar o seu óleo de forma correta.



15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo